Assembleia Legislativa institui a Medalha do Mérito Industrial

0
53

A entrega da honraria acontecerá na semana do dia 25 de maio, Dia da Indústria; podem ser conferidas até 15 medalhas ao ano

A Assembleia Legislativa divulgou em seu Diário Oficial a Resolução nº 6.314 de 2019, que institui a Medalha do Mérito Industrial no âmbito da Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso. A medalha será destinada a homenagear personalidades que tenham feitos merecedores de público reconhecimento por relevantes serviços prestados ao setor industrial do estado. A proposta partiu do deputado Carlos Avallone (PSDB). A entrega da honraria acontecerá, anualmente, na semana do dia vinte e cinco de maio (Dia da Indústria), em sessão especial ou, excepcionalmente, em outra data com relevante significado, com a anuência da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa.

O autor da proposta, Carlos Avallone, informou que, para fins de concessão da honraria, os deputados devem apresentar os nomes em forma de resolução de concessão da medalha. Ao todo podem ser conferidas até 15 medalhas anualmente. Essas resoluções correrão com dispensa de pauta, inclusive dispensarão a apreciação pelo Plenário e serão analisados pela Comissão Permanente de Indústria, Comércio e Turismo, que emitirá um parecer terminativo sobre a proposta. Devem ser observados os critérios de relevantes serviços prestados.

A medalha trará no anverso a imagem de representação estilizada da Usina de Itaici, circundada na sua borda pelos dizeres “MÉRITO INDUSTRIAL” e no reverso o Brasão de Armas do Estado de Mato Grosso, circundado pelos dizeres “Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso, em caracteres versais, e será suspensa de fita nas cores branca e azul. Junto com a medalha, o agraciado receberá um diploma de reconhecimento pelos serviços prestados.

Historicamente, muitos fatos ajudaram a nortear a evolução da indústria no mundo. De certa forma, o mais importante deles veio com o desenvolvimento tecnológico, que acabou servindo de base para que a indústria crescesse. Para marcar esse fato, o dia 25 de maio entrou para a história como o Dia da Indústria. Ele foi instituído pelo presidente Juscelino Kubitschek, em 1957, por meio do Decreto nº 43.769. No mesmo ano, a Confederação Nacional da Indústria (CNI) criou a Medalha do Mérito Industrial, para homenagear industriais de destaque na cena nacional. A medalha nº 1 foi entregue ao então Presidente JK.

A indústria é definida como sendo um espaço de produção que origina muitos dos produtos presentes no dia a dia das pessoas. No arranjo produtivo, a indústria representa o setor secundário. A indústria também é responsável por fazer a roda da economia girar em todos os pontos do planeta, já que ela é a grande geradora de riqueza de um país. A indústria é o principal gerador do Produto Interno Bruto (PIB), contribuindo para o desenvolvimento do país de forma decisiva e consistente, sobretudo nos mais variados tipos de mercados, desde os alimentícios, passando pelo vestuário até chegar ao de transportes.

MARIA NASCIMENTO TEZOLIN / Secretaria de Comunicação Social

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA